O sistema de monitoramento utilizado hoje pela Guarda Municipal deve ser ampliado e integrado às cidades que compõem, com Jundiaí, o Aglomerado Urbano (AU). À frente do órgão público, o delegado José Roberto Ferraz pretende aperfeiçoar os trabalhos já feitos na segurança do município de forma mais expansiva, uma vez que as sete cidades do AU (Jundiaí, Várzea Paulista, Campo Limpo Paulista, Jarinu, Itupeva, Cabreúva e Louveira) somaram, de janeiro a novembro de 2012, 2.434 roubos e furtos de veículos, segundo registros divulgados pela Secretaria da Segurança Pública do Estado de São Paulo.

De acordo com Ferraz, a Central de Monitoramento da Guarda Municipal conta com dois tipos de sistema, o já conhecido ´Olho Vivo´, no qual câmeras registram em pontos estratégicos da cidade situações e flagrantes em tempo real, e o OCR (Optical Character Recognition), que faz a leitura das placas dos veículos nas principais entradas do município. “Estamos na fase de conhecimento e ajustes. Estou me interando de todos os projetos, contratos e documentos do órgão. Até onde sei, as câmeras estão funcionando normalmente”, diz.

Ainda assim, pelo sistema estar em fase de implantação – segundo o novo comandante da GM -, algumas câmeras precisam de manutenção e adequações técnicas. “Outra dificuldade é a agilidade do sistema. Quando um veículo é furtado ou roubado, sempre é feito um registro no sistema que comunica todas as esferas policiais. Mas no nosso caso, quando o mesmo veículo é recuperado, a informação demora muito para chegar.”

A integração pretendida na Região deve seguir os moldes daquela que já ocorre em Itatiba e Indaiatuba e é prioridade da GM para este ano. “Estamos fazendo contato com as prefeituras. Mas todas estão ainda se ambientando também. A intenção é seguir diretrizes do Plano Municipal de Segurança Pública, pretendido pelo prefeito Pedro Bigardi, e aumentar a mancha de monitoramento. Quanto maior a área, mais informações teremos”, afirma Ferraz.

O comandante prefere não divulgar o orçamento destinado aos projetos da segurança. Sobre recursos estaduais – articulados pelas gestões tucanas – ele pretende não recusar. “Qualquer melhoria será bem recebida, mas isso cabe à administração da prefeitura”, diz.

Histórico da integração – O sistema OCR foi iniciado na GM pela gestão municipal anterior. Em outubro de 2012, a operação foi ampliada, com 93 câmeras instaladas em pontos estratégicos. como as avenidas Jundiaí, 14 de Dezembro, Frederico Ozanam, Luiz Latorre e a rodovia Geraldo Dias. No sistema ´Olho Vivo´, segundo foi informado pela GM naquela época, 85 câmeras estavam em funcionamento.

“Os sistemas já são integrados com órgãos do município. Mas vamos aperfeiçoar para que seja efetivo o Gabinete de Gestão Integrada Municipal, uma exigência da Secretaria Nacional de Segurança Pública, que envolverá polícias, educação, saúde”, adianta Ferraz. Ele quer manter as boas relações com Polícia Civil, Militar e Federal e aumentar o efetivo.

Fonte: Jornal de Jundiaí

Anuncie Imóveis

Quer vender seu imóvel em Jundiaí e Região? Não perca mais tempo, cadastre-se gratuitamente e comece a divulgar agora mesmo.

Divulgar Imóvel

Anuncie Empregos

Precisando de funcionários? Agora ficou fácil, anuncie gratuitamente a vaga de emprego que deseja preencher e comece a ver resultados imediatamente.

Divulgar Vagas

Anuncie Serviços

Tem um negócio, loja ou serviço em Jundiaí e Região? Consiga ainda mais clientes divulgando-o gratuitamente no Portal Jundiaí, comece agora mesmo.

Divulgar Serviço
+

Anuncie Gratuitamente

Imóveis, Vagas de Emprego, Negócios e Serviços. Anuncie Gratuitamente no Portal Jundiaí.

É rápido, é fácil e dá resultado.
Ta esperando o quê?

Anuncie Já!