Guitarras, hits e muita disposição em cima do palco mantêm A Kripta, tradicional banda jundiaiense, com o mesmo espírito de décadas atrás. Os sessentões irão relembrar seus sucessos com um show com ingressos esgotados no Clube Juventus, sábado, às 21h.

“A noite de Jundiaí era diferente. A balada ia além de barzinhos, com festas nos clubes”, lembra o tecladista Dalmo Gatti, 61 anos,  que diz ter saudade das “Domingueiras” realizadas na sede central do  Clube Jundiaiense. “A gente tocava rock’n’roll para se divertir”.

Dalmo fazia parte de uma banda chamada Os Gringos, que acabou no começo da década de 1970. Na mesma época, outra banda de baile, a The Things, também acabou. Paulo  Penteado (guitarra), Cláudio (teclado), Zé Marques (bateria), Ari (vocal) e Colinha (baixo) formaram o novo grupo.

A Kripta, uma espécie de pedra, foi o nome de emergência achado para uma apresentação em Santos,  que abriria um show dos badalados Mutantes (onde surgiu Rita Lee).

Na descida da Serra do Mar, os integrantes começaram  a discutir o nome até que o vocalista, Ari, sugeriu a “Kripta” provisoriamente. “Foi o que salvou,  por que o resto deu tudo errado”, afirma Dalmo.
Sem empresário e fazendo agenda por conta própria, o grupo chegou a Santos na data errada. “O show tinha sido na semana anterior.

Chegamos ao clube e as portas estavam fechadas. Morremos de vergonha. E ainda bem que não tinha ninguém lá para ver”, brinca.
Além dos integrantes da formação inicial, Paulinho Calazans , tecladista de músicos como Djavan, Gilberto Gil, entre outros nomes da MPB, também tocou na Kripta e fará participação especial no show de sábado no Juventus.

Atualmente, a banda é formada por Dalmo, nos teclados, Paulo Penteado, na guitarra,  Colinha Colagrossi no baixo  e  Cassiano Marques Ferreira, na bateria.

Turnê /Conhecidos na cidade pelo repertório que vai de Bee Gees a Deep Purple, os músicos cruzaram os limites regional e tocaram em festas de 15 anos em diversos locais. Rio de Janeiro, Mato Grosso, Minas Gerais e Paraná foram os quatro Estados visitados por eles.
“Naquela época, Jundiaí parava, o pessoal se arrumava, era muito divertido, mas isso foi acabando”.

Uma das passagens marcantes da década de 70 para Dalmo foi uma festa de formatura da Esalq (Escola Superior de Agricultura  Luiz de Queiroz), em Piracicaba. Em meio à ditadura militar, a lista das músicas apresentadas precisava passar antes pelos censores. Porém, eles fizeram um improviso e tocaram a proibida “Para não dizer que não falei das flores”, de Geraldo Vandré. Segundo Dalmo, os formandos invadiram o palco para cantar junto. “A gente achou que ia ser preso”.

Na mesma época, eles também tocaram na Serra do Japi, em um evento ecológico, e repetiram a música. “Ninguém noticiou, mas nós também tocamos Geraldo Vandré no meio da Serra”, conta.

Sem casa / No começo da década de 1980,  a banda fez seu último show em um domingo, no Clube Jundiaiense. Dalmo lembra que foi anunciado pelo apresentador que aquela seria a última noite com banda,  já que um DJ ia assumir a festa. “Quando o público aplaudiu, a gente entendeu que o ao vivo havia virado brega”.

Nesses 30 anos sem shows em clubes, a Kripta se reunia ocasionalmente para tocar em festas de amigos. O último show da banda, por sinal, foi na casa de Celinha Fávaro, uma das organizadoras do evento deste sábado.  “Acho que a gente vai precisar fazer mais shows desses, pois o telefone de todo mundo da banda não para de tocar com gente querendo ingresso”, afirma Dalmo, já com planos para o futuro.

Fonte: Rede Bom Dia

Anuncie Imóveis

Quer vender seu imóvel em Jundiaí e Região? Não perca mais tempo, cadastre-se gratuitamente e comece a divulgar agora mesmo.

Divulgar Imóvel

Anuncie Empregos

Precisando de funcionários? Agora ficou fácil, anuncie gratuitamente a vaga de emprego que deseja preencher e comece a ver resultados imediatamente.

Divulgar Vagas

Anuncie Serviços

Tem um negócio, loja ou serviço em Jundiaí e Região? Consiga ainda mais clientes divulgando-o gratuitamente no Portal Jundiaí, comece agora mesmo.

Divulgar Serviço
MENU
+

Anuncie Gratuitamente

Imóveis, Vagas de Emprego, Negócios e Serviços. Anuncie Gratuitamente no Portal Jundiaí.

É rápido, é fácil e dá resultado.
Ta esperando o quê?

Anuncie Já!